Maurem Kayna


Sobre Maurem Kayna

Maurem Kayna é Engenheira Florestal, baila flamenco e é apaixonada pela palavra como matéria-prima para a vida. Escreve contos, análises sobre a auto publicação e tem a pretensão de criar parágrafos perenes.

Ao Farol, Virginia Woolf
#Leia Mulheres Ao Farol, de Virginia Woolf, é mais um dos livros discutidos no Clube de Leitura Leia Mulheres de Porto Alegre (confere aqui comentários de quem participou). As notas que aqui partilho com vocês foram tomadas durante a leitura e revisitadas depois da troca de impressões que rolou no encontro. Assim, de certa […]

Ao Farol, Virginia Woolf



Opisanie Swiata
Um romance-colagem   O livro Opisanie Swiata, de Veronica Stigger, 3º lugar no 58º Prêmio Jabuti,  nos puxa para dentro de uma história permeada de non sense, fatalidade e simbologias nem sempre decifráveis. Impossível não citar a edição primorosa da Cosac Naify. Trata-se de um livro lindo, com cores e tipografia que […]

Opisanie Swiata – Veronica Stigger



A facilitação gráfica é, sobretudo, um processo de síntese visual, que tem como objetivo transmitir ideias de forma simples e criativa. Tarefas como comunicar um conceito complexo, contar uma história, realizar uma palestra, explicar um produto podem adquirir uma linguagem mais clara e sintetizada. É uma forma de “dar vida” à linha narrativa, com formas, cores e gravuras que representem a essência do que se deseja transmitir.
A autora Para escrever o romance A República dos Sonhos, Nélida Piñon se auto exilou em Congonhas do Campo  – MG, no ano de 1980. A edição comemorativa aos 30 anos da obra traz, inclusive, a lista de pertences (bem poucos) que ela levou consigo para a pensão onde cumpriu a rotina […]

A República dos sonhos – Nélida Piñon



Você prefere impresso ou e-book? Quem gosta de ler e costuma conversar sobre suas leituras provavelmente já se deparou com algum questionamento ou papo sobre a preferência de leitura em papel ou no meio eletrônico. Sou quase capaz de apostar que sua preferência de leitura é o impresso. Acertei? Se […]

Ler é diferente em impresso e e-book?



Impressões de leitura Não me atrevo a chamar de resenha, mas deixo aqui um apanhado de minhas impressões de leitura do livro de Noemi Jaffe que gravei para o canal Entrecontos. Neste video, além de comentar o que mais me chamou a atenção no texto, falo da motivação #leiamulheres, que […]

Írisz: as orquídeas – Noemi Jaffe



concursos literários 11
Concursos literários – arriscar e aprender Participar de concursos literários requer investimento de tempo e alguma grana (no mínimo para impressão de várias cópias e custo de envio), para um retorno no mínimo incerto. Mas, sem arriscar ninguém sai do lugar e foi graças aos riscos assumidos pelos nossos antecessores […]

Alegrias literárias de 2015



A literatura e o digital
A literatura e o digital em debate Durante a 61ª Feira do Livro de Porto Alegre, tive oportunidade de mediar um debate riquíssimo entre os escritores Cassio Pantaleoni e Marcelo Spalding. A proposta do evento era discutir a literatura e suas novas expressões nos meios digitais e o ponto de partida foi a apresentação da […]

Literatura x digital – o que discutir?



conexões literárias para gostar de ler... 1
Autor presente (#sqn?) Quando se discute o uso da tecnologia como ferramenta na educação e o seu papel no fomento à leitura, pode-se, além de aderir aos smartphones dos quais os alunos não desgrudam, explorar as possibilidades de comunicação à distância. Foi exatamente isso que um encontro real entre professor […]

Conexões literárias – o virtual e seus frutos reais



#LeiaMulheres
Por quê ler mulheres? O risco de resistência à hashtag #leiamulheres, sob o argumento de que boa literatura não tem gênero porque é humana e universal, provavelmente não é baixo. Então, para começar a conversa, acho que vale dar uma olhada no que sugere esta pesquisa feita pela Alpaca Editora sobre […]

#LeiaMulheres



clássico literário digital
Clássico literário x tecnologia Quando recebi o convite do curador da Fenelivro para debater o tema central do evento “O futuro do livro, o livro do futuro” olhando para a perspectiva do surgimento de um novo clássico literário, assaltou-me a surpresa. Normalmente os eventos relacionados a livros, leitura e/ou literatura […]

Haverá um clássico literário digital?



um conto sobre acaso e covardia 1
Mormaço Corre mal a semana – tão poucas vendas concretizadas transformam a ameaça do desemprego em uma presença permanente, como se houvesse alguém ocupando o banco do carona.  Mas ainda restam duas cidadezinhas no roteiro e até o final do dia a sorte talvez seja mais simpática com ele. A […]

Um conto sobre o acaso e a covardia



Um romance multimídia, ou: a literatura digital veio para ficar.
A literatura digital veio para ficar? Estaremos assistindo uma fase de transição na literatura que vai fazer das obras multimídia  o modelo dominante da produção textual? Ou será que os experimentos de agora serão substituídos por coisa totalmente distinta, a exemplo do que aconteceu com o video laser (quem lembrar disso […]

Castelo Schweistein – dos classificados à literatura



Labirintos Sazonais, mais que livro
Labirintos Sazonais é, em sua origem, uma obra de literatura digital. Foi criado para “fisgar” o leitor típico do ambiente web. É curto, tem potencial de interação com o leitor e está vinculado com redes sociais, por isso é digital. Tem links e imagens, mas o centro da obra é a palavra, […]

Labirintos Sazonais – livro e muito mais



literatura x tecnologia (?)
Literatura ou tecnologia? Volta e meia surge o debate sobre o potencial da tecnologia como ferramenta de fomento à leitura – defendida por uns, execrada por outros. Ao examinar os argumentos de cada posição, é bom ponderar que não há pesquisas ou opiniões neutras, pois, de algum modo, elas sempre […]

Literatura e tecnologia, parceria ou disputa?



Diminuto - app gratuito para ler minicontos
literatura + tecnologia = tempo melhor usado O Diminuto é um aplicativo de leitura e escrita colaborativa de minicontos. São textos de, no máximo, 750 caracteres disponibilizados gratuitamente para quem baixar o app. A ferramenta foi elaborada com base nas necessidades dos próprios fundadores, que incluiam o desejo de ocupar o tempo […]

Diminuto – Minicontos para qualquer hora



Escrever para quê?
Quer saber minhas razões para escrever? Volto a essa(s) pergunta(s) do “escrever para quê” ou “para quem” com frequência. Por muitas razões, mas a principal é para me situar durante o processo de escrita. Quando um conto empaca ou as mãos travam acima do teclado sem que a ideia que parecia […]

Escrever para quê(m)?



e-book ou livro impresso? 1
o que mudou para os leitores? Em 2010 publiquei meu primeiro e-book. Aproximadamente na mesma época ganhei um Kindle (que, aliás, ainda funciona muito bem obrigada!) e comecei a buscar informações sobre as possibilidades, limitações e peculiaridades desse formato de livro. Na época, li um artigo de Ednei Procópio sobre o e-book no […]

e-books no Brasil



Encontros com o leitor
O encontro  “ao vivo”  entre escritor e leitores Partamos do pressuposto de que alguém que investe sua energia na escrita, espera ser lido. Pode haver incontáveis razões para esse desejo, mas acredito que seja um pressuposto válido para qualquer escritor. Sendo assim, o encontro entre escritor e leitor, que normalmente não se dá […]

Encontros com o leitor – quem sai ganhando?



Vida de escritor 3
Por influência de um amigo (que nunca vi ao vivo, embora more muito perto de mim) passei a assinar o boletim diário do The Write Practice, que traz dicas bacanas para a vida de escritores. Não leio todos os dias o email que é em geral curto e provocativo, mas […]

Vida de escritor – da importância de um boteco



Labirintos Sazonais no FAC
Já contei antes para algumas pessoas que decidi apostar no e-book antes da publicação impressa por duas razões: 1) mesmo que eu não conseguisse vender nenhum exemplar (o que, felizmente, não se confirmou), não teria incorrido em desperdício de material, energia (sob o enfoque de aspectos ambientais) e grana e […]

Conexões entre livro digital e livro impresso



NaNoWrimo 2013 8
National Novel Writing Month (NaNoWriMo) é antes de qualquer coisa uma proposta de diversão para insanos do mundo todo que assumem o desafio de escrever um romance de, no mínimo, 50.000 palavras entre a hora zero do dia 1º de novembro e as 23:59 do dia 30 de novembro. Uma espécie de ONG […]

NaNoWrimo ou Por quê escrever 50 mil palavras em um ...



O que te fez gostar de ler? 2
Brasileiro não lê? Ao “xeretar” na web em busca de reflexões ou estudos sobre qual seria a principal motivação para a leitura, quais as razões que fazem alguém gostar de ler, encontrei elucubrações e conclusões interessantes. Primeiro, notei que a queixa sobre os hábitos pouco robustos de leitura não é […]

Qual a sua motivação para a leitura?



O que vale mais, o texto ou o escritor?
Talvez seja reducionismo colocar a questão da literatura nesses termos, mas as posições que tenho acompanhado na web sobre a declaração polêmica de Raphael Draccon parecem se dividir entre a supervalorização do escritor e o endeusamento do texto. Se tivesse de escolher um lado, ficaria com o segundo, mas prefiro discutir alguns […]

O que vale mais, o texto ou o escritor?



Para quê serve a leitura? 7
As funções da leitura Em   um convite à reflexão que fiz aos leitores do site, lancei a seguinte provocação: afinal, para quê serve a leitura?  As respostas que recebi foram muito interessantes e motivadoras, inclusive uma que questionou porque o texto enviado via newsletter não estava no site. Então, veio […]

Para quê serve a leitura?



Auto publicação e e-books
Essa é uma análise do Kobo Glo feita de usuário comum para usuário comum. Não vou abordar características técnicas só compreendidas ou percebidas por “iniciados”, mas os aspectos que mais me interessam como leitora com o objetivo primeiro de ler com o maior conforto possível aquilo que me interessa. As […]

Kobo Glo, Kindle ou iPad?



Descompasso - conto inédito
Engana-se quem pensa que a literatura exige ineditismo. Há infindáveis formas de se contar uma história e pensando nisso faço muitos exercícios de refazer e desfazer histórias. O conto a seguir já teve outros títulos, outros finais e mesmo outras etapas narrativas, mas o cerne continua sendo um só – uma pitada […]

Um conto cheio de taquicardia e desencontro



promoção de e-books cresce, mas não acaba com a pirataria
A combinação de assuntos soou estranha? O quê e-books, marketing digital e o momento político podem ter em comum? Comecemos, então, falando sobre a eficácia da propaganda dirigida que algumas lojas de e-books (ou qualquer loja virtual, na verdade) conseguem fazer. Decidindo sua próxima leitura Como vocês provavelmente já sabem, eu gosto de ler […]

e-books, marketing digital e o momento político



Literatura Digital
Desde que a curiosidade me levou participar de diversos fóruns virtuais onde se discutem questões relativas ao e-book, literatura digital e fomento à leitura já estive no meio de alguns embates sobre coisas como: a premente necessidade de “re-invenção” do livro; a importância de que os e-books não sejam apenas uma versão […]

Literatura digital – que raios será isso?



Bibliotecas Digitais
Se você gosta de ler, é bastante provável que frequente ou já tenha frequentado uma biblioteca. E se gosta MUITO de ler, é ainda mais provável que as horas dispendidas nesse ambiente façam parte das suas boas memórias – incluindo todos os sentidos empregados na experiência da leitura, apesar das […]

Bibliotecas Digitais



Livrarias Online 1
Comprando livros online Há tempos atrás uma série de posts no blog EbookBR analisou as experiências de compra em diferentes livrarias online. Era um olhar para o cenário em vigor antes da abertura da amazon.com.br, da parceria Kobo-Cultura, da iBookstore e do Google Play e estava focado exclusivamente em e-books. E agora, depois de um […]

Livraria online, qual é a sua?



No dia 07 de Janeiro se comemora, no Brasil, o dia do leitor. Seria irônico caso já não estivéssemos acostumados com datas dedicadas a minorias onde a tônica oscila entre o protesto necessário e comemorações hipócritas. As estatísticas sobre os hábitos de leitura dos brasileiros são lamentáveis para qualquer país que […]

Onde estão os leitores?



As notícias sobre vendas de e-books no Brasil a partir do alvoroço gerado com a disponibilização do primeiro e-reader de qualidade em lojas físicas no Brasil foram alvissareiras no finalzinho de 2012. A parceria Kobo Cultura marcou uma nova situação de visibilidade para o e-book, gerando, no mínimo, curiosidade num público que […]

E-readers ao alcance do leitor, e agora?



Uma das tantas possibilidades da publicação em e-book é a de dar asas aos heróis que tem iniciativa e disposição para editar e distribuir conteúdo sem finalidades comerciais. Foi o que fez Helena Frenzel ao reunir os textos de 15 escritores brasileiros e editar o 15 contos mais, que está disponível para leitura online e […]

Quinze contos mais



Em 2012 o e-reader da Amazon (por enquanto ainda com o título de “melhor”entre os disponíveis) completou 5 anos, mas quem chegou para venda direta aqui no Brasil (através de uma parceria com a Livraria Cultura) foi o aparelho do concorrente, o Kobo. Mas ainda é gigantesco o número de leitores […]

ABC do e-book (update)



testando e publicando via iBooks Author
Leitura à vontade O advento dos e-books fez o universo da publicação independente adquirir novos contornos. O que para os autores pode ser considerado como uma “libertação” em relação ao mercado editoral tradicional, para o leitor é uma chance de acesso a um acervo virtualmente infinito. Além de todo o acervo […]

Contos.com, um e-book Gratuito



Trânsito - Piauí 36
Este foi o conto premiado no II Concurso Literário da Revista Piauí e foi publicado na edição número 36 da revista. Trânsito Eu deveria ter trazido o impermeável. Agora tenho de ouvir esse sujeito com mania de pai fazendo gracejos enquanto veste a capa: Mudemos o uniforme; e já! Senão […]

Um conto feito de pressas e perdas



O concurso Idealizado em 2010, pela Geração Editorial, o Concurso de minicontos que selecionou narrativas delimitadas pelo número máximo de 140 caracteres (sim, influência direta do twitter) resultou no lançamento de um e-book, em formato PDF, que foi disponibilizado gratuitamente no blog da editora. O e-book O Geração em 140 Caracteres reúne estórias […]

Geração 140



Monólogo de um mau marido Ela não aparece faz muitos dias, deixou-nos aqui em suspenso desde a última vez que trabalhou neste conto. Ficamos cercados por essa sua mania de destacar a última palavra do parágrafo incompleto com a marca amarela do editor de texto. Não bastasse a falta de […]

E se o personagem se rebelar?



O Nome O rapaz da seção de estofados chama-se José, a senhorita bem penteada dos cristais é Simone, e Deise é aquela mais empertigada com uniforme diferente – é a supervisora. Mas onde estará a menina magra de cabelos curtos que atendeu sua esposa outro dia e foi tão atenciosa […]

Um conto sobre seduções ingênuas



Desencontros
Desencontros Pediu um analgésico forte. A enfermeira respondeu que não poderia fornecer nenhum medicamento não previsto no seu prontuário, mas assim que o médico passasse pelo posto ela comentaria sobre sua dor. O residente era atencioso, viria vê-la, com certeza. Tentasse dormir. Quem sabe um chazinho? Beatriz não se deu […]

Um conto cheio de dor e reticências



Inverno Branco “Constató se una anemia de marcha agudísima, completamente inexplicable. Alicia no tuvo más desmayos, pero se iba visiblemente a la muerte.” Horacio Quiroga Aqui se desenrolou um existir imperceptível, as paredes aparentavam maciez, mas era apenas brancura, opacidade. Quando os cabelos dela se aproximavam do linho engomado, eu […]

Um conto querendo ser de Quiroga



Interrupção A rua estreita, de calçamento antigo, escorregadio depois do trânsito de muitas histórias, e ela. Conhecia cada uma das pedras em que pisaria e por isso já não tomava cuidado. Sabia da rua. Não era habitual passarem carros naquele horário. O barulho que predominava quando desceu do meio-fio para […]

Um conto sobre momentos breves intermináveis



Andanças Demorou a aprender o português de modo a não provocar perguntas sobre sua nacionalidade toda vez que pedisse uma informação ou o almoço no vegetariano do centro. Mas, tão pronto logrou reproduzir a fala dos locais, arrependeu-se da sutil intervenção cirúrgica que lhe deu tranqüilidade no início. Hoje, pensa […]

Um conto sobre o anonimato



Por quê livro digital? Porque é uma ótima forma de distribuir conteúdo. Novos autores podem publicar com custos muito menores que um processo impresso. Editoras podem ampliar sua base de leitores. Existem várias oportunidades que se abrem com o livro digital. Para os leitores, especialmente, os eBooks significam preços menores, […]

O Que se Ganha com a Popularização do E-book?



Jasmins e Alfaces
Jasmins e Alfaces Olhou para o chão, para a terra de tom desbotado, viu os chinelos empoeirados e os pés também. Odila não gostava dessa coisa baça deixada pela poeira no seu trajeto, como se sublinhasse o silêncio ao qual estava obrigada. Não é que ela seja uma criança inquieta, […]

Um conto sobre uma infância quieta



Quem já teve algum contato com o assunto e-book, certamente já ouviu falar do Projeto Gutenberg, mas pode ser que não tenha dedicado algum tempo para explorar o que é ofertado por lá. Não vou me ater à história (muito bacana, aliás) do projeto porque isso pode ser vastamente consultado por aqui. […]

Projeto Gutenberg Para Nós



Essa época do ano me faz gostar ainda mais de Porto Alegre. É tempo de Feira do Livro, evento que, em 2010, foi reconhecido como patrimônio imaterial da cidade pela Secretaria Municipal da Cultura. Nesta 57a edição, serão 19 dias de feira, já sem os atrapalhos das obras na Praça […]

Tempo de Livros e Jacarandás



Hoje a Amazon saciou a curiosidade de todos os que já se apaixonaram pelos seu e-reader e daqueles que estavam na expectativa do tablet de baixo custo que finalmente seria um concorrente à altura do iPad. Com o argumento de que o esforço da empresa é trabalhar duro para poder […]

Kindle Fire